A propósito da Super Nanny

shamevip-pt-29578-noticia-super-nanny-ordem-dos-psicologos-vai-analisar-varias-queixas-ao-programa_0

Só para dizer…Shame on you!! E aos produtores, e ao canal televisivo, e aos pais que expõe os seus filhos a troco de dividendos….Shame on you a todos os envolvidos!! Menos às crianças!! Não consegui ver, pura e simplesmente não consegui ver….e mais…eu própria, adulta….teria também feito birra e esta hein?!…

 

Anúncios

E este 2017 que não me deixa saudades…

Este ano, não me vai deixar saudades…ou quase….um ano, tem sempre coisas boas…mesmo que sejam aparentemente pequeninas…estão lá…posso não as conseguir ver, não as conseguir valorizar…mas estão lá…pelo menos assim o espero…

Tal como a Rainha Isabel II, se referiu a um ano particularmente mau para ela, com um Annus horribilis….assim foi o meu ano….

Mas se o final de um ano, é o encerrar de um ciclo, é também um ano de reinicio, uma etapa que posso e devo abraçar novos objectivos…nem que seja com baby steps…

Então para 2018

1º – Gostar de mim, um bocadinho mais que no dia anterior;

2º – Ser feliz, um bocadinho mais que no dia anterior;

3º – Valorizar as minhas pequenas grandes conquistas, um bocadinho mais do que no dia/dias anterior(es);

4º – Procurar ajuda e reconhecer que preciso dela, que embora seja uma Wonder Women, também preciso de ajuda….um bocadinho mais do que no dia/dias anterior(es);

5º – Continuar na minha luta contra o peso…. peso físico e peso emocional…eles influenciam-se mutuamente….por isso, não posso descurar nenhum destes pesos;

6º – Estabelecer objectivos realistas, e manter o foco;

7º – Ler pelo menos 1 livro por mês…e não… não conta ler 4-5 num mês e nenhum em outro mês;

8º – Treinar, pelo menos 4 vezes por semana….senão posso correr…ainda…tenho treinado bicicleta indoor…e é durinho;

9º – Eu sou as minhas escolhas, as minhas escolhas não me definem, não me limitam…mas tenho que ter cuidado com o anjinho “mau” que me leva por caminhos que só me causam desconfortos;

10º – Iniciar e cumprir o objective de poupança, 1euros/52 semanas…mas de modo recessivo…isto é começo com os 52 euros e vou diminuendo….assim, aparentemente custa menos….no final terei…1377 euros;

11º – Não sei se já disse mas cá vai….ser Feliz…;)…..;

12º – Procurar estar com os meus amigos e família;

13º – Fazer os caminhos de Santiago de Compostela…está tudo orientado para ser entre Abril e Maio, mas estou dependente de uma amiga…mas 2018 é o ano;

14º – Voltar a correr, começar por participar nas caminhadas, depois nas corridas mais pequenas, 8km….no final do ano, conseguir voltar a fazer 10km de um modo feliz;

Eram para ser 12 pontos, um por cada mês, mas eu não sou uma rapariga convencional…eu sou eu e com muito orgulho!!

 

PS: como foi o vosso Natal? a minha época favorita de todas…adoro o natal, as luzes, a magia que se “sente” no ar…não sentes a magia?… A magia, tem que ser alimentada, temos que querer acreditar, temos que a viver…não é por sermos adultos, que deixa de existir magia….a magia está em cada um de nós…e só nós podemos fazer com que exista, ou não…na minha família…cultivamos a magia de Natal, os presentes não são escolhidos…são surpresa, não é preciso ser muito caro…a magia não está aí…está em conseguir descortinar, o que a pessoa gosta, precisa ou embora nem se tenha lembrado…acaba por adorar….a magia do Natal é o amor, que se coloca em cada escolha que se faz….

  

E agora?

Olá…desculpem ter andado mais desaparecida mas todos precisamos de um período de afastamento, de pausa….eu acabei recentemente de vir de férias…só foram 2 semanas mas esperavam-me situações como se tivesse estado afastada 2 anos….uma coisa foi boa, da nave mãe nem um telefonema…nada….também já devem ter reparado, que o meu telemóvel toca de uma forma selectiva….;)

Da minha luta, o que posso dizer?….2 vezes por semana às 7h15 já estou em cima de um selim para uma hora de treino intenso, nos outros dias faço o meu treino funcional e já começo a correr….pouquinho, mesmo só para combater essa necessidade e essa conta de sentir o vento na cara….

O ex-cena?….estamos mais ou menos na mesma..uns diasde melhor, outros pior….continua a procurar falar e eu continuo a não conseguir deixar de responder…

Procurei e tenho estado a trabalhar em mim, com ajuda diferenciada…ando a procurar entender esta minha necessidade de cuidar, esta tendência de me aproximar de homens como o ex-cena, só vos posso dizer que ainda tenho muito trabalho pela frente e também ainda não consigo dizer…foi isto ou foi aquilo….neste momento….a minha melhor definição é…sou o que sou com aquilo que já ia ser mais o que a vida me fez ser…confuso?….para mim já não…

Âncora….

Existem pessoas que pensam que são donas das outras….ou então, não tendo esse sentimento, são tão centradas nos seus próprios umbigos que não conseguem olhar à sua volta e constatar que existem outros umbigos neste mundo…..eu chamo a essas pessoas âncoras, âncoras no sentido de não me deixarem avançar, âncoras no sentido que se elas estou bem ou por contrário estão mal….tudo à volta é determinado por elas…

Eu cá ando, a tentar seguir com a minha vida….E o ex-cena tem sido uma âncora, uma âncora com uma cara de pau….tipo, eu falo com ele….disse sempre que não queria guardar rancor, que se guardasse rancor…isso seria bem pior…..tenho falado normal, ele deixou e à muito de ser prioridade mas parece não ter entendido, então eu expliquei…ele é inteligente…mas mesmo assim voltou à carga…dá vontade de dizer…vai ser carente para junto da tua mãe…mas depois já lhe disse….vai ser carente para junto da família que constituiste…mas também já não lhe disse…..

Telefona e depois pouco fala, gosta de ouvir falar…falar deve dar trabalho..E como parasita que é, como acomodado que sempre será…liga mas depois gosta de ouvir o que tenho para dizer…..ultimamente tenho dito que estou a zarpar que a âncora já não prende…..já não prende mas continua a mexer…..

Não importa….

“A criança que fui chora na estrada.
Deixei-a ali quando vim ser quem sou;
Mas hoje, vendo que o que sou é nada,
Quero ir buscar quem fui onde ficou.”

Fernando Pessoa

4474450638-bmx-restaurada.jpg

Pequena memória…..eu também tive uma destas…;)….foi a minha primeira bicicleta a sério…;)…só que a minha era verde em vez de amarela….de resto…era igual…claro que depois eu coloquei os cromos (para min são cromos, não autocolantes, assim como as borronas são borronas e não marcadores….)…. nos aros das rodas…)

 

 

Não importa….

Talvez seja importante mas… não deve ser fundamental…

Talvez seja importante mas… não devo utilizar como desculpa….

Talvez seja importante mas… não me pode nem deve definir…

Talvez seja importante mas…. a responsável pela minha vida sou eu!

Sou responsável pelas minhas conquistas (tantas e por vezes tão pouco valorizadas ou apreciadas) e pelas derrotas (cicatrizes da luta…;)…)….pelas minhas aspirações e sonhos e como os conseguir atingir….se são só da minha exclusiva dependência ou são interdependentes….

Tudo me dói….

Ando assim… tudo me dói…escrever dói…porque colocar as minhas emoções por escrito dói e eu tenho andado assim…

Mas não é mau…é até bom…durante meses…andei triste e chorava…agora já posso e consigo dizer que ando assim…dorida…

Depois de muito marca e dramática, lá marquei e fui a uma psicóloga…mas não era uma psicóloga clínica igual a outra qualquer…ela alia a psicologia com Medicina tradicional chinesa…bem..só vos posso dizer que na primeira consulta…foram 60 minutos em que eu comecei por dizer meia dúzia de palavras e comecei a chorar…chorar de soluçar, chorar de lágrimas saltar, de lavar o rosto, e ela colocou umas agulhas de acupuntura e deixou-me “lavar” a alma…disse que eram lágrimas antigas e não estavam lá a fazer nada, era deixar sair…nas consultas seguintes já tenho conseguido falar mais, temos sempre a ajuda da MTC e com diferentes técnicas vou/vamos trabalhar em mim….

Depois dessa dor…também tenho a dor física….como já vos tinha dito, ia mudar de sítio de treino….já mudei, e já comecei…e tudo dói….as pernas parecem que não vão aguentar nem mais um passo, os braços não conseguem colaborar (escrever este texto está a ser uma superação…mais uma)….

Curiosamente e apesar de tudo me doer…nunca me senti, tão “leve”…agora só faltam chegar as férias…eu sou das que não tira férias em agosto (posso e por isso evito as confusões)….

E vocês? Já foram de férias? Ou não sentem necessidade?…eu gosto de sair e quebrar a rotina….

Balanço….

“Dança na corda bamba de sombrinha e em cada passo dessa linha podes-te aleijar….Azar, a esperança equilibrista sabe que o show de todos os artistas tem que continuar…”

 

imagesMX3F8PZG

Não sei quem escreveu esta pequena afirmação, sei que gostei dela e a transcrevi…normalmente os meus marcadores de livro são personalizados, com afirmações que leio e que me captam a atenção….esta afirmação em particular, este pequeno trecho diz muito…diz-me muito…e embora com receio, receio esse cada vez mais controlado…lá me vou equilibrando na corda bamba que é a vida….

E vamos para mais um balanço?

A ex-cena, cena ou cena alguma….já começa a desvanecer, começo a ter dias inteiros que não me lembro dele, que não sinto necessidade de falar com ele….e isso, é excelente…e quando, por acaso me lembro…não fico triste, nem fico alegre…começo a conseguir sentir alguma nostalgia do que nunca chegou a ser…e consigo conviver bem com isso….

Peso…não tenho perdido peso, tão rápido como gostaria…ainda tenho mais de metade da roupa que não me serve….mas eu vou conseguir, e vou conseguir por mim, pela minha vida, pela minha vontade de conseguir voltar à casa de partida….se demoro mais, observo a paisagem….

Treino….aqui estamos bem, ainda não fui experimentar a tal aula de boxe mas….tenho treinado e ontem já consegui correr uma distância mais compridinha….7 quilometros e cem metros…;)….os cem metros também são importantes…e porquê?….porque vou chegar a uma altura que não vou querer ter cem metros assim…e vou corer mais novecentos para completar um quilometro mas ontem já não dava….

(pequeno à parte)….quando corro, em especial uma prova mas também pode ser num treino…tenho sempre 3 objectivos…chegar ao fim (sinal que não desisti), nunca andar a passo (posso ir lenta mas vou a correr) e divertir-me (senão não tem piada)…e por isso aos cem metros não juntei mais novecentos…porque já não me estava a divertir, já não estava também a conseguir negociar, dentro da minha cabeça mais um pequeno espaço de corrida…já não dava mais….mas vai dar….

No que se refere à corrida, só vos posso dizer, que esta menina já correu 4 meias maratonas, inúmeras provas de 15km, incontáveis provas de 10 km e vai conseguir retomar essa condição…gravem estas palavras (que eu também já gravei)…eu vou conseguir!!

Ando a conseguir….

Ando a conseguir ler….certo para vocês não é nada de especial mas para mim é, isto porque…eu sempre li, gosto de ler e no entanto nestes últimos meses não conseguia…também não via televisão, embora a ligasse quando chegava a casa mas era mais para combater o silêncio de quem mora sozinha…e também não era por vir cansada de treinar….coisa que também ainda não conseguir retomar com a rotina ideal mas ler…ler era difícil para mim, ler implicava atenção, ler por ler não dava…

Para mim ler é “entrar” na história…é reflectir sobre o que estou a ler, imaginar como seria se fosse comigo…

Géneros literários?….romances históricos, policiais e…..fantástica…sabem o que é? Guerra dos tronos, Senhor dos Anéis…sim é isso, é considerada literatura fantástica….durante anos, ia lendo livros mais ou menos técnicos, ou que me ajudavam a perceber melhor as vivências das pessoas com quem trabalho….neste momento, se fosse a ler qualquer coisa para aplicar na nave-mãe….seria sobre gestão de recursos humanos e sejamos francos, não seria muito interessante….

E como não sou menina de ler só um livro de cada vez, leio umas páginas de um, pouso, penso e pego em outro….neste momento ando de um lado para o outro com três livros…são estes….e vocês o que andam a ler?

 

São livros muito diferentes….A queda dos gigantes é um livro relativamente grande, apenas o primeiro da trilogia o século mas de muito fácil leitura, o corra pela sua felicidade foi uma oferta de uma amiga, trata-se da junção da corrida ou caminhada com alguns exercícios de mindfulness…está a ser interessante de ler mas não sei até que ponto estou a conseguir seguir o que sugerem…certo quando o acabar de ler será mais fácil…o terceiro tinha porque tinha de o ler…é da mesma autora do quarto do Jack…muitos de vocês podem ter visto o filme mas nada se compara ao livro…não sei porquê raras foram as adaptações que foram de encontro ao que eu imaginei….certo os autores dos filmes não sabem imaginar, tão bem como eu…;)….sim porque eu imaginação tenho que chegue e sobre, na minha cabeça correm inúmeros cenários, mais ou menos bons mas muito cansativos….ao ler, consigo controlar essa parte…;)…..

Relativamente à situação do peso…nem boas nem más notícias….mantenho, gostaria de dizer que perdi volume…mas também não é verdade….mas quando calma, como menos…e por isso, vou continuar a procurar andar calam..como no filme madagascar…”é só sorrir e acenar”…;)